Portugal

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

No quadro do apoio da Marinha à Autoridade Marítima Nacional e tendo em vista o aproveitamento de sinergias e fortalecimento do dispositivo de salvamento marítimo, três equipas compostas por três fuzileiros cada irão reforçar as estações salva-vidas do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) da Figueira da Foz, de Viana do Castelo e de Sines. Estes fuzileiros integraram ontem as equipas das três estações salva-vidas e iniciam a partir de hoje as suas funções operacionais

Enviar por ; Correo electrónico

Navio da Marinha empenhado na época de pesca da lampreia no rio Minho

Diario Marítimo ; 09 Enero 2017  ; 592 visitas

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

Teve início esta semana a época de pesca da lampreia no Troço Internacional do Rio Minho (TIRM), com o navio da Marinha em missão naquela área, o NRP Rio Minho, a efetuar as primeiras ações de fiscalização de 2017.      

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

Decorreram no último trimestre de 2016, na Base Naval de Hera em Timor- Leste, o 4° curso de formação de fuzileiros e o 6º curso das especialidades de Marinha que contaram com a presença de quatro formadores da Marinha portuguesa (um oficial e três sargentos).

Enviar por ; Correo electrónico

Navios da Marinha recebem distintivo da Autoridade Marítima Nacional

Diario Marítimo ; 27 Diciembre 2016  ; 390 visitas

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

Realizou-se esta manhã, na Base Naval de Lisboa, Alfeite, a cerimónia alusiva à entrega do símbolo da Autoridade Marítima Nacional a duas unidades navais da Marinha, NRP Viana do Castelo e ao NRP Tejo, pelo Secretário de Estado da Defesa Nacional, Dr. Marcos Perestrello. O navio patrulha oceânico Viana do Castelo e o navio de patrulha costeira Tejo rumarão ainda hoje em direção à Região Autónoma dos Açores e da Madeira, respetivamente.

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado
O navio tem como principais tarefas integrar o dispositivo naval padrão na zona Marítima do Norte para dar resposta a situações de busca e salvamento marítimo, contribuir para o esforço da fiscalização marítima, apoiar outros departamentos do estado com competências no mar. 

Enviar por ; Correo electrónico

NRP Rio Minho efetua ação de patrulha e fiscalização no rio Minho

Diario Marítimo ; 21 Diciembre 2016  ; 353 visitas

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

O NRP Rio Minho efetuou esta semana mais uma ação de patrulha e fiscalização no Troço Internacional do Rio Minho (TIRM). Este tipo de missão consiste em patrulhar e fiscalizar as embarcações locais, que entre novembro e abril se dedicam à pesca de meixão e lampreia. Dado o eleva do valor comercial destas espécies, é grande a afluência ao rio dos pescadores locais para este tipo de atividade.

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

​Esta operação decorreu a bordo da Lancha de Fiscalização Rápida Centauro, que se encontra em comissão na Zona Marítima do Sul, que se deslocou cerca de 15 milhas para sul da costa algarvia, procurando as melhores condições para consumar a devolução das tartarugas e dos gansos-patola ao seu habitat natural.

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

​O exercício será bilateral, com a unidade GROM das forças de operações especiais da Polónia e denominado JCET (Joint Combined Training Exercise). Serão abordadas as capacidades de combate e de operação em ambiente marítimo e costeiro, abrangendo a execução de operações complexas de contraterrorismo.

Enviar por ; Correo electrónico

Resgate de náufrago da embarcação de recreio MARYLEA II

Diario Marítimo ; 20 Octubre 2016  ; 417 visitas

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado

O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), em articulação com o Capitão do Porto de Peniche e o INEM - Centro de Orientação de Doentes Urgentes no Mar (CODU-Mar), coordenou esta noite uma operação de resgate do skipper, de nacionalidade francesa e de 50 anos, da embarcação de recreio MARYLEA II, que naufragou a 14 milhas (25Km) a norte das Berlengas.

 Buscador Grupo Pladesemapesga con tecnología de Google

En el motor de búsqueda te ayudamos a encontrar exactamente lo que buscas.

 AyTP Acción y Transparencia Publica..

Indecencia y falta de ética política de  las mareas bajo @XulioFerreiro + y @martinhonoriega +