Enviar por ; Correo electrónico

Regata oceânica põe à prova cadetes da Marinha

Diario Marítimo ; 27 Agosto 2017  ; 168 visitas

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado
 

Cadetes da Escola Naval seguem a bordo do NRP Zarco e NRP Polar, dois veleiros da Marinha, com o objetivo de realizar o tradicional Cruzeiro de Instrução de Verão, que vai decorrer até ao dia 18 de setembro.

​Após terem partido de Portimão, encontram-se agora na Marina de Cascais, de onde partem no dia 27 de agosto para participar na regata Discoveries Race 2017 navegando cerca de 700 milhas náuticas entre Cascais e Las Palmas (ESP), com chegada prevista a 3 de setembro de 2017.

 
Esta viagem, que teve início a 17 de agosto, realiza-se todos os anos, e é essencial para o desenvolvimento das aptidões militares-navais, adaptação à vida no mar e do espírito de camaradagem dos cadetes da Escola Naval, aprendendo a combater lealmente contra ventos e mares.
 
NRP Zarco
O NRP Zarco foi desenhado pelo arquiteto naval e designer holandês Peter Sijm e construído em 1983 na Holanda.
O veleiro teve vários proprietários e foi diversas vezes rebatizado, tendo sido registado em Espanha com o nome "Blaus VII", em 2002.
Em 2007, no âmbito da “operação Agrafo” de combate ao narcotráfico (em cooperação com a Policia Judiciária), o “Blaus VII” foi abordado a 100 milhas do Arquipélago da Madeira por uma equipa do Destacamento de Ações Especiais do Corpo de Fuzileiros da Marinha Portuguesa. A bordo do veleiro foram encontrados 1500 Kg de cocaína. Nesse ano, em julho, após o estabelecimento de um protocolo de cooperação com a Policia Judiciaria, a Marinha Portuguesa ficou com a responsabilidade de assegurar a guarda e manutenção da embarcação, bem como a sua regular utilização, tendo sido transferido para a Escola Naval, para utilização provisória e manutenção como veleiro de instrução de cadetes da Escola Naval.
 
Em 3 de julho de 2015, na sequência de um protocolo estabelecido com o governo da Região Autónoma da Madeira, o “Blaus VII” foi aumentado ao efetivo dos navios da Marinha Portuguesa e rebatizado como NRP Zarco. Para além dos embarques de instrução dos cadetes da Escola Naval o navio efetua igualmente missões no âmbito do CINAV, Centro de Investigação Naval.
 
NRP Polar
O Navio-Escola Polar (ex Anne Linde) foi construído em 1977 nos estaleiros Phoenix B. V., Westerbroeck, em Roterdão, teve o seu primeiro registo em Viersen (RFA) e foi usado em cruzeiros charter até 1982. É uma réplica do famoso iate América que atravessou o Atlântico para vencer a 100 Guinea Cup, em 1851, dando o seu nome ao troféu mais cobiçado do mundo.
Em 1983 foi adquirido pela «Windjammer fur Hamburg» para ser entregue à Marinha como contrapartida pela cedência da "Sagres I". O Polar foi  incorporado na Marinha Portuguesa em 21 de outubro de 1983.

 

 Buscador Grupo Pladesemapesga con tecnología de Google

En el motor de búsqueda te ayudamos a encontrar exactamente lo que buscas.

 AyTP Acción y Transparencia Publica..
Otros articulos relacionados.....

Indecencia y falta de ética política de  las mareas bajo @XulioFerreiro + y @martinhonoriega +