Enviar por ; Correo electrónico

Resgate de seis tripulantes do veleiro VL BOAT

Diario Marítimo ; 21 Agosto 2016  ; 374 votos

Ratio: 0 / 5

Inicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivadoInicio desactivado
 

O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), em articulação com o Capitão de Porto de Sines, a Força Aérea Portuguesa (FAP) e o INEM - Centro de Orientação de Doentes Urgentes no Mar (CODU-Mar), coordenou durante a tarde de ontem uma operação de evacuação de seis tripulantes, de nacionalidade portuguesa, com idades compreendidas entre os 16 e os 51 anos. O veleiro encontrava-se à deriva, sem leme, a cerca de 32 milhas náuticas a sul de Sines.

O alerta foi dado pelas 15h17, via VHF, pelos tripulantes da embarcação, reportando que estariam em dificuldades, pois tinham perdido o governo da mesma e estavam sem capacidade de navegação, necessitando de auxílio. O CODU-MAR efetuou uma avaliação médica dos jovens que se encontravam a bordo, apresentando sinais de desidratação e um adulto com queixas de possível cólica renal.

Foram empenhados no salvamento o NRP Dragão e a lancha da Polícia Marítima Fronteira. Na chegada destes meios ao local, às 17h15, as condições de mar eram bastante adversas, impossibilitando assim o apoio à embarcação e o resgate dos tripulantes com estes meios, após diversas tentativas efetuadas. Pelo que, foi empenhado um helicóptero da FAP - EH-101, para efetuar o resgate dos tripulantes, tendo aterrado em Lisboa pelas 00h40, posteriormente foram transportados pelo INEM para o Hospital de Santa Maria, em situação estável.

 Buscador Grupo Pladesemapesga con tecnología de Google

En el motor de búsqueda te ayudamos a encontrar exactamente lo que buscas.

 AyTP Acción y Transparencia Publica..
Otros articulos relacionados.....

Indecencia y falta de ética política de  las mareas bajo @XulioFerreiro + y @martinhonoriega +